Espiritualidade

GRATIDÃO E BÊNÇÃOS

Toda ação divina traz em si, uma bênção. Embora muitas vezes não a reconheçamos.

Você está indo para o trabalho a pé, no meio do caminho começa a chover. Então você pensa “O que eu fiz para Deus me castigar e fazer com que eu passe o dia todomolhado?”


Você acredita que Deus molharia milhares de pessoas somente para puni-lo? Não seria um demasiado exercício do ego pensarmos somente em como as situações nos afetam sem pensarmos que elas também afetam nossos semelhantes? Não estamos sós no universo e não somos o centro dele. Somos parte dele, parte fundamental, como cada coisa nele existente. Cada criação divina é igualmente importante.


No exemplo acima, devemos reconhecer a bênção da chuva, que irá regar os campos e lavouras, encher os rios…
Devemos sempre lembrar que um copo com água pela metade pode estar meio cheio ou meio vazio. A diferença pode ser sutil, mas é de importância fundamental. A forma que vemos uma situação, poderá transforma-la completamente.


Quantas vezes nos esquecemos de ser gratos pelos presentes divinos que recebemos diariamente. Algumas vezes, nem ao menos percebemos que os recebemos. Devemos estar atentos e agradecermos cada presente, independente da forma que ele se apresente, às vezes algo que consideramos um castigo, mostra-se futuramente como uma bênção.
A gratidão deve estar presente em todos os momentos e situações de nossa vida.

“Quando agradecemos antecipadamente ao Criador por aquilo que
desejamos, reconhecemos a existência do que desejamos”

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *